segunda-feira, 5 de setembro de 2011

 Radialista J.Gomes (com o microfone), em transmissão de uma partida de futebol, em Cajazeiras. 
Ao seu lado (com um rádio) o fotógrafo J. G.Vilante. Foto: do arguivo de J. G.Vilante.

J.Gomes, assim como Almair Furtado, era um radialista muito conhecido e aplaudido no sertão da Paraíba. Trabalhava da Rádio Alto Piranhas de Cajazeiras. Morreu ainda jovem, com 29, vitima de acidente automobilístico na BR 230, quando pilotava um fusca branco (de propriedade de sua namorada). Ao tentar desviar de um bêbado a cavalo, o radialista perdeu o controle do carro, invadiu a pista contraria e se chocou violentamente com uma carreta do Gran Circo Orlando Orfei. J.Gomes, ia comemora juntamente com mais 4 amigas, o seu aniversário no açude de São Gonçalo. As 4 amigas que iam com ele, morreram também. Era fevereiro de 1972 - um dia de domingo de sol ardente.



Nenhum comentário: